segunda-feira, julho 31, 2006

O bobo e os perigosos.

Os perigosos estão sempre perto
menos de 4 é sempre pouco
Os perigosos são os mais espertos,
Mais ainda existe um que é bobo.

Mas são todos muito boa gente,
Todo mundo pode lhe falar,
Entre si são bem diferentes,
mas estão juntos em todo lugar,

Eles são os mais amigos,
Eles se gostam pra valer,
Eles estão sempre unidos,
É só parar pra ver...

Vou começar falando do bobo,
Que toma conta do balaio,
Pra dar bronca num bando de louco,
tem um chamado Caio.


Existe aquele que é o organizado,
Assustou e viu que amigos tinha,
São Jorge, sempre apaixonado,
Apelidado Bretinhas

Tem aquele que é o cara,
O mais sério, o bam bam bam,
de contar piadas não para,
Apelidado Dan.

Pra fechar vem o pegador,
Pra ele a mulherada só diz sim,
Ele só não diferencia cor,
Apelidado Vinicim.

Os perigosos estão sempre perto
menos de 4 é sempre pouco
Os perigosos são os mais espertos,
Mais ainda existe um que é bobo.


Eles são os mais amigos,
Eles se gostam pra valer,
Eles estão sempre unidos,
É só parar pra ver...